Canção pra alma... poderosa...

Meu primeiro livro!

Meu primeiro livro!

Um homem e o seu destino

terça-feira, 1 de maio de 2018

Transmutação de frequências

A respeito do último artigo, estive refletindo sobre essas questões de desequilíbrio vibracional. No concurso de toda uma vida - a minha vida - estive sempre rodeada por altos fatores de stress e de desarmonias sem fim. Foram anos e anos de muitas provas, dores, provações. Nada realmente fora muito fácil a mim desde minha chegada à esse mundo. No entanto, pelos raciocínios elaborados no artigo interior, contrario imensamente, as conclusões que ora chegamos nele.

Como posso eu depois de tantos anos de desarmonias a beira do sem fim, não ter me adoecido com alguma doença, que "deveria" ter se instalado em minha residência física?! Pois bem, observando a mim mesma, posso chegar a conclusão de que não fui aleatoriamente presenteada pelos deuses com minha saúde perfeita. Em todos esses anos algo naturalmente passou a se desenvolver em mim: a transmutação dessas frequências, que a minha volta se instalavam. Isso! Exatamente isso, se passou sempre a contento dos anos. E tal qual posso constatar por mim mesma, a saúde que não me fora abalada gravemente. Acredito se tratar de uma habilidade natural manifestada nessa existência. Longe de ser santa e coisa e tal. Pois também fui arremetida a sentimentos de baixa frequência.

As coisas que nos acontecem precisam ser superadas. Seus sentimentos ruins precisam ser superados. Se você os nutrir por uma vida inteira, fatalmente, pagará o preço por tê-los carregado consigo! Carregar raiva, mágoa, frustrações, ódio, não é de forma alguma, algo muito sensato a se fazer. Isso causará um desequilíbrio químico em seu corpo, que reagirá produzindo inconvenientes em sua saúde.

Acredito que o fato de ser naturalmente competente em superar situações adversas - o que se poderia encarar, talvez, como um "perdão" que aprendi a desenvolver sobre as questões vivenciadas - é o que me fez passar ilesa por boa parte da vida, em relação às consequências no corpo físico. Certamente, outras pessoas que estivessem em meu lugar vivenciando as mesmas coisas, talvez, tivessem já adoecido em seus corpos, manifestando até mesmo as doenças mais sérias! Vejo, muitas e muitas pessoas com extrema dificuldade em saber "relevar" as suas questões de caráter emocional, principalmente em relação à família. Tretas familiares são as principais responsáveis pela degradação do corpo emocional.

Se você não encontrar uma maneira saudável de perdoar todas essas "cenas" da atual vida, então, estará se colocando em sério risco, de verdade! Viver abarrotado de dores e mágoas afetará muito mais a si mesmo, do que aquele a quem tal sentimentos se endereçam. E poderás pagar com tua vida, um dia, ainda que por hora ele pareça estar muito distante. Mas olhe em volta, quanta gente tem deixado esse plano em nossos dias?! Gente nova, mais velha... muita gente está voltando à pátria espiritual, talvez, um pouco mais cedo do que deveria.

Seja um transmutador de frequências você também! Isso é possível. Esse é aquele momento em que você escolhe não ser fruto daquilo que te acontece, pois tem seu livre-arbítrio para escolher sentir o que melhor lhe convier. Não é o que acontece que define quem você é. Você é aquilo que escolhe ser. Você escolhe o que quer sentir, independente do que te aconteça. E isso te liberta. Isso te torna livre do círculo vicioso das frequências baixas. Isso é se colocar acima do que te acontece! Tudo nesta vida não passa de um filme, que em breve, como me dissera um amigo cairá quase que como num total esquecimento. Tudo aqui são cenas. E você pode escolher sair delas se assim desejar. E poderá prosseguir livre, sem manchas que possam corroborar sua saúde. Seu espírito em essência é livre, e somos nós que o permitimos aprisionar nas questões mal resolvidas na nossa vida aqui embaixo.

Façamos escolhas melhores. Tornemo-nos transmutadores de frequências! E poderemos mudar a forma como vemos a nós mesmos no contexto de nossas vidas. E consequentemente deixaremos o mundo um lugar melhor, pois com isso haverá menos ódio, raiva, mágoa sendo emanados para a atmosfera terrestre. E isso já é uma grande coisa.

O mundo precisa é de amor!


                              (fonte imagem: internet)

Peace
and
Love 
for all




Baixa frequência vibratória = doença

Se tudo na vida é uma questão de frequência e vibração, podemos pensar que a nossa saúde é fruto, indispensavelmente, de uma boa frequência vibratória. Ora, isso não é de forma alguma utopia.
 Manter-se em altos níveis de frequência vibratória é sim o segredo para nos mantermos em estado constante de saúde. Portanto, o mesmo equivale para o seu oposto: baixe sua frequência e consequentemente poderá ter sua saúde abalada. Ora vejam, como as frequências energéticas por nós emanadas são capazes de afetar o nosso corpo físico! Isto é algo realmente muito sério a se pensar.

Na vida caótica que atualmente se encontra o nosso mundo é muito fácil cair nas armadilhas de frequências vibratórias muito ruins e isto não é coisa de gente viajosa não. Isto tudo é muito mais real do que se possa imaginar. Quando se entra num círculo vicioso de energia vibratória ruim, pode ser muito difícil sair dela e assim, digamos depois de um tempo, a tendência é que essa desarmonia realmente chegue de algum jeito ao seu corpo. Claro, que não apenas o corpo físico sofrerá, mas igualmente os corpos mental, emocional, espiritual. Na verdade, esses desalinhamentos, esses desequilíbrios vão se manisfestando em forma de cascata entre os corpos, sendo que o último corpo a ser atingido, geralmente, é o corpo físico.

Os estragos decorrentes de um processo gerado pelas desarmonias da vida, digamos assim, podem ser extremamente devastadores! Podem consumir sua saúde de forma parcial ou integral, gerando situações muito mais complexas em relação à ela. Assim, já se sabe através de estudos que todas as doenças tem sua origem em desarmonias em sua frequência vibratória. E geralmente quando as pessoas vão ao médico, tudo o que fazem é tratar os sintomas daquela determinada doença, isto sem saber exatamente qual é realmente a origem dela.

Não é à toa que, ao menos aqui em minha cidade, a cada quarteirão tem de 3 a 4 farmácias, uma do lado da outra. Isto só nos mostra o quanto mais e mais pessoas têm adoecido. E por conclusão, podemos perceber o quanto se está aumentando o desequilíbrio no meio de nosso povo. Pois como sabemos, é o desequilíbrio o grande causador da falta de saúde.

Nosso corpo é um organismo proveniente de químicas e mais químicas. Ele existe por causa das químicas que ocorre nele a todo instante. Uma emoção, digamos assim "errada", é capaz de alterar essas químicas de forma sem igual. E basta que uma única célula comece a trabalhar de uma maneira um pouco diferente da habitual, e pronto. Dali a algum tempo, tem-se todo um organismo propenso ao desenvolvimento de alguma doença, seja ela qual for.

Mas em nosso atual mundo de terceira dimensão, sabemos que as coisas demoram um certo tempo até que consigam realmente chegar aos nossos corpos físicos. O que se mostra real àquele tipo de pessoa que passa anos e anos e anos trabalhando em frequências extremamente baixas e densas. Não é de se suspeitar que num tal futuro chegue às portas de um câncer, por exemplo. Aliás, notadamente, em nosso mundo atual, a quantidade de pessoas que tem vindo a óbito por causa de câncer é assustador. Muita gente, ricos e famosos, pobres e anônimos têm feito a passagem através dessa doença terrível. E certamente, a grande maioria não deve nem cogitar o por quê dela ter se manifestado em suas vidas.

Já há estudos que dizem que o câncer é proveniente do bloqueio cem por cento de nossos chacras. Pessoas que se habituaram a viver num constante desequilíbrio, e sem a superação dos mesmos, seja por orgulho, vaidade, ou até mesmo por teimosia em se abrir mão do perdão, que talvez, as situações dolorosas mereçam, acabam sim sofrendo as consequências dessas escolhas - inconscientes ou não - na própria carne. E por vezes, chegam a pagar com a própria vida. Mas todos sabemos que absolutamente tudo tem uma razão de ser. A cada espírito se é apresentado as lições que ele precisa para aprender e evoluir. Nada fica estático por muito tempo na evolução. Ainda que essas pessoas possam viver por anos e anos de forma errônea, dia chegará que fatalmente terá que arcar com as consequências de seu estilo de vida, de seu jeito de ser...

Melhor, então, que todos façam suas escolhas de forma consciente. Pois sabedoria e conhecimento imprimem sempre uma maior responsabilidade perante a vida e as situações que se provém dela aqui na terceira dimensão. De posse de tudo isso, se você foi alertado e ainda assim prefere viver feito a um zumbi, está tudo certo! E a saber: o tempo efetuará, sim, as suas devidas corrimendas no momento que lhe for oportuno. Dor e doenças são as piores coisas que podem acontecer aos homens, pois fora disso como podem haver outras coisas?

Toda doença pede um tempo. Tempo para si mesmo. Tempo para recuperar o que fora perdido. Tempo para reaver seus próprios conceitos sobre a vida. Tempo para reavaliar o que realmente é importante em sua vida. Tempo, aliás, para descobrir o quê realmente você veio fazer no mundo, e qual sua missão aqui. Essas são as perguntas fundamentais para os dias de hoje.

As grandes verdades quando provenientes da consciência maior, são capazes de nos tocar profundamente. Nossa alma fica exultante, pois ela é capaz de reconhecer a veracidade das informações que nos chegam. Assim é comigo. Que assim seja com vocês. O coração é o melhor termômetro para saber se aquilo que nos chega é realmente legítimo. Não importa o que os outros pensam, importa o que a gente "sente" que é verdade e isto faz a diferença. Isto faz a diferença entre você contribuir ou não com sua saúde. Isso faz a diferença entre você ter ou não um câncer daqui a 10 ou 20 anos.

Hoje o conhecimento está mais disponível do que nunca, mas precisamos de pessoas abertas e igualmente disponível para essas informações que nos chegam. Podemos fazer diferente. Podemos ter não só uma vida longa, mas uma vida longa e saudável, se assim soubermos nos conduzir na vida que ora se desenrola.




Peace 
and
Love
for all




Experimento: A energia vital nas plantas

Já não é novidade pra ninguém aquilo de que tudo no mundo funciona a base de energia e vibração. Pois bem o experimento que vou narrar a seguir ocorreu por duas vezes, feito de maneira extremamente simples, mas que me surpreendeu pelos resultados.

Eu havia comprado um vaso de flores, o qual agora não me lembro o nome. Sem querer acabei quebrando um galho cheio de suas flores. Intuitivamente fiz o seguinte, peguei o pequeno galho florido e o coloquei no vaso novamente, entre os outros galhos também floridos do vaso. Simplesmente isso. Não o aterrei nem nada. Apenas coloquei o galho quebrado em cima dos outros galhos. Pois bem, o resultado foi incrível!

Curiosamente todos os dias passava no vaso para dar uma olhada e... as flores daquele pequeno galho solto continuavam intactas! Ora, como assim? Afinal, elas não estavam recebendo água e nem muito menos estavam na terra. E aí se foram 15 dias. E eles continuavam perfeitas em suas formas e cores. Claro, tirei algumas fotos, o qual futuramente postarei aqui, como prova de que aquilo realmente estava acontecendo.

Agora pensem, flor sem água por 15 dias, sem estar aterrada, e em estado de perfeição?!

Assim podemos pensar, que de fato, havia sim algo ocorrendo. E a conclusão que cheguei foi a de que o pequeno galho quebrado estava absorvendo a energia vital da planta de forma espetacular. O simples fato de estar apenas perto dessa energia fez com que as flores daquela pequeno galho sobrevivessem por 2 semanas. Incrível isso.

Os sábios da antiguidade já diziam isso, que tudo em nosso mundo é feito de energia. Mas o mundo em que vivemos parece sem sombra de dúvida muito mais material do que essas coisa de energia. Contudo, de repente, essas experiências aparentemente insignificantes, pode nos dizer muito mais, pode nos dar respostas de forma simples e clara. Para tanto basta que sejamos um pouco mais observadores daquilo que nos acontece, direta ou indiretamente.





Peace
and
Love
for all




terça-feira, 24 de abril de 2018

Uma descoberta


Hoje vim para falar de uma intrigante experiência no campo da sexualidade humana.
Pode ser que isso faça parte de uma tecnologia espiritual avançada, a ser utilizada futuramente quando a humanidade estiver em um nível mais avançado de entendimento, mas assim de repente, essas coisas podem acontecer a qualquer momento com qualquer um, seja lá o motivo de se passar por tais experiências.

Pude comprovar e constatar que para a ocorrência de uma experiência sexual não é necessária a presença de dois corpos físicos atuantes. Naquilo que se mostrou milagrosamente uma experiência totalmente nova, pude vivenciar aquilo que naquele momento nem sequer tinha consciência de que era possível de acontecer.

Inexplicável? Sim, temporariamente. Porque quando coisas saem fora do padrão natural é compreensível que não se haja muitas respostas ao fato naquele momento. Curiosamente, ao folhear aleatoriamente alguns livros, "coincidentemente" encontrei algo que falava justamente a respeito dessa, então, desconhecida experiência. Acho que foi num livro do Osho, se não me engano, onde ele fala sobre a possibilidade de realizar um ato sexual apenas em nós mesmos.
Que bom! Fiquei muito feliz em descobrir ao menos uma pessoa que tinha conhecimentos sobre aquilo. Claro que toda experiência vivida e sentida, cria uma certeza absoluta de que aquilo é real, e tangível e realmente o é! Disso não tenho dúvidas em meu espírito, de que aquilo que vivenciei foi concreto e real. Mas claro que isso não deva ocorrer com muitas pessoas. Basta que se fale a alguém que ela pode ter toda as sensações físicas de uma experiência sexual, sem que precise de um parceiro e sem muito menos se tocar ela mesma... quem não iria rir. Pois é, isto é real, podem acreditar.

Penso, na correria e busca incessante das pessoas por essa energia misteriosa que se encontra no ato sexual. Quantas tragédias, quantas lutas, quantas glórias pela busca de um parceiro que lhe traga um pouco daquilo que se chama prazer. Quanta loucura gira e sempre girou em torno do sexo, ou melhor, da liberação de energia que ele provoca!

Ao meu ver tudo é uma questão de química. As pessoas estão constantemente em busca, não do sexo propriamente dito, mas das sensações químicas que ele provoca. Somos feitos de química, vivemos num corpo que funciona a base de: química!!

Então, olhem só que maravilha, você descobrir uma forma de ter acesso justamente à essa química provocada pelo ato sexual, sem que para isso precise se dispor de outra pessoa fisicamente. Tudo! Isso é tudo! A energia sexual quando liberada não perde em nada de sua potência, quando provocada por outros meios. Não perde suas características peculiares de prazer, pois você os têm igualmente como os teria num ato sexual tradicional. E mais pode ainda ganhar um bônus mantendo espontaneamente as sensações de prazer por algum tempo, no meu caso o que girou em torno de uma hora e meia, mais ou menos.

Autossuficientes em sexo. Isto não é o máximo!? Não que se despreze a presença de um parceiro, pois é mesmo muito bom poder compartilhar o ato com um parceiro, mas de repente, uma experiência como essa pode ampliar seus horizontes de maneira transcendente.

De repente, pensamos, para quê tanta luta das pessoas por sexo, por prazer?

Mas se posso dizer algo mais sobre esses fatos é que existiu sim um diferencial que pôde me colocar em contato direto com essa experiência, algo ligado intrinsecamente a um tipo de encontro espiritual, o qual fora o responsável pelas emanações de cunho masculino. Uma ausência de corpo físico masculino não significa a ausência da energia sexual masculina. Não sei como deve ser isso para as pessoas poderem acessá-la, pois a mim ocorrera de forma totalmente espontânea e... mágica sem dúvida.

Como já se sabe o ser humano é possuidor das duas polaridades: masculina e feminina. É no equilíbrio dessas duas polaridades que pode o homem encontrar-se em harmonia com sua essência mais profunda. E se harmonizando profundamente consigo mesmo, pode quem sabe de repente, ter acesso a esse misterioso portal sexual, que se abre entre prazer físico e prazer espiritual.

O prazer é físico, porém, a energia sexual não é apenas física, ela interlaça o físico ao não material, aquilo que é espiritual. Acredito morar aqui o segredo para a conquista de tal experiência. A união do físico-divino ao divino-físico. A união entre matéria e espírito. E claro, de alguma forma o amor, tem de estar presente em algum nível. Pois é ele o elemento de ligação entre todas as possíveis experiências humanas e não humanas, físicas e ou espirituais possíveis ao homem.

Assim sigo na investigação e observação das coisas que de repente me acontecem.



Peace
and
Love 
for all














Um homem e o seu destino

Era uma vez o universo, um barco e um homem.


Seguia ele mais uma vez em direção ao oceano, ao profundo oceano onde habitava sua alma. Remo em punho, seguia em direção ao infinito. Ali naquele lugar onde tempo e espaço não existiam, podia contemplar o que lhe era tão caro, o imenso e inexplorado universo acima do horizonte. Neste momento, deixava o remo ao lado. Recostava-se em seu pequeno barco, olhando para a inexprimível beleza do tesouro que se abria a sua frente.
Entre céu e mar, lá estava ele. Só. A observar e quem sabe, ser observado pelas estrelas, pelos planetas e sóis acima de si. Enternecido ficava, a contemplar aqueles pequenos pontos brilhantes no céu, como joias a reluzir em diferentes cores e tamanhos. E como era belo o infinito. E de tanta beleza e perfeição, sentia-se pequeno, ali parado em seu pequeno barco.
Na plenitude daquele momento, mergulhado no mais profundo silêncio de seu coração era como se também ele fosse parte inerente àquela paisagem. Ele era um homem... era as próprias estrelas, era os sóis que se estendiam por todo universo, sim porque sabia ele existirem mais de um. Ele era o sopro da brisa silenciosa que circundava a criação dos deuses. Era os cometas que transladavam o universo afora. Ele era a luz que habitava os céus. Era o infinito. Era também o cosmos e o seu esplendor. Tudo estava nele, na medida e na frequência exata de seu existir. Mas tudo isso ele apenas podia levemente sentir. Pois que haveria de ser da criação sem ninguém a observá-la?
Eis que de observador, inexplicavelmente torna-se ele o próprio universo observado. Eis o todo que mora no um e o um que mora no todo. Ambos transformados num só. Eis a intrigante alquimia iniciática o qual podem os homens experimentar.
Extasiado por tal experiência inebriante, eis que de mansinho surge em meio as águas, uma bruma de um branco iluminado. Circunda-o. Em seu estado de profundo encontro com seu Deus interior, não se altera pelo surgimento daquela misteriosa névoa. E, então, dos céus, desce ele o seu olhar para as águas. E tal qual observava admirado as estrelas do céu, também agora observava admirado a fina névoa sob a água, movendo-se graciosamente ao entorno de seu pequeno barco. E nesse instante, ouviu-se do profundo de seu coração - porque é assim que Deus fala aos homens - :

- Eis a criação em suas infinitas manifestações de amor!

Ao ouvir tais palavras exprimidas sem som, arrepiou-se. Levantou-se. E em pé de remos em mãos, pôs-se a melhor fitar aquela estranha névoa. Seu coração mais forte começou a bater. E eis que tenro milagre aconteceu. Por detrás daquela branca e iluminada névoa surgia ela. Como a deslizar sobre as águas em alvas vestes reluzentes, seguia lentamente em direção à ele. Atordoado por tais visões, esfregou os olhos como a ver se não estava sonhando. E como a flutuar sobre as águas deslizava ela em direção à ele. Radiante. Em véus que se faziam cor de luz.
Impossível era conter a lágrima que dos olhos dele brotou. Impossível era ele não chorar num momento como aquele. Era o espírito do amor voltando ao seu coração. Era ela voltando pra casa. Sentiu-se sem voz. Não haviam palavras na terra ou no céu que pudessem exprimir a magia daquele reencontro. E também ela assim o sentia.
E já próxima ao pequeno barco, estendeu ela a sua mão. E tal como os cavalheiros de outrora, ele a segurou conduzindo-a gentilmente à sua humilde embarcação. Que podia oferecer ele à ela? Nada. Pensava ele, que tudo o que tinha era apenas um pequeno barco e um remo e nada mais...

Mas ela sabia, ele tinha absolutamente tudo o que ela precisava.
E ela precisava apenas de... estrelas no céu e um pequeno barco de um remo só, onde se encontrava um homem. Um homem que estava a lhe esperar por muito tempo. E que só agora ela podia quase, enfim, retornar à ele.

                                                                           
                                                                               
                                                     Fim



https://www.youtube.com/watch?v=lCOF9LN_Zxs&t=236s


Peace
and
Love
for all

domingo, 22 de abril de 2018

A consciência e a mente

De que nos adianta a teoria sobre a consciência e a mente sem a devida experiência que lhe sustente a verdade? É por este princípio que assumo a veracidade das coisas aqui relatadas, pois transmito apenas aquilo que por mim foi vivenciado. E não julgo tais conhecimentos como verdades absolutas, apenas contatações pessoais colhidas no alto de minhas próprias pesquisas.
Até que cada um experimente a verdade por si mesmo, a dúvida, talvez, possa pairar sobre os acontecimentos aqui relatados, mas este é apenas um compartilhar de informações e não a promoção de verdade alguma.

Todo aquele que descobre a existência da consciência, descobre também que está diante de um misterioso fenômeno, mas que pode ser decifrado aos poucos, através de estudos, experiências, enfim, esta é uma porta que se abre a um mundo novo e totalmente desconhecido para a grande maioria.
Agora, com um pouco mais de atenção, podemos perceber que a quase todos os fenômenos que envolvem a vida do homem estão certamente relacionados com o aspecto inerente à ele chamado: consciência.
Já nas eras mais antigas da existência humana já se havia descoberto este magnífico portal que é a consciência. Sendo assuntos como este, tratados como intransponível tabu, seja lá, por quais motivos se políticos ou religiosos. Não se foi à toa a necessidade do surgimento de ordens secretas, de movimentos que propagavam o conhecimento na calada da noite.
As questões que envolvem o tempo são um mistério a parte. Logo, passaram-se algumas eras e hoje estamos vivendo um tempo de liberdade plena e a vida já não precisa mais de consentimento para acontecer. Hoje pode o  homem ser dono de seu próprio destino, podendo trilhar pelos caminhos que melhor lhe convir. Eis a graça e a mágica do tempo, que sempre nos traz novas oportunidades de vivenciar constantemente o novo. É num piscar de olhos que a realidade muda.
Assim segue a humanidade no curso de seus intermináveis dias. E assim também segue ela rumo ao infinito de sua jornada em busca do conhecimento.

(08 de dezembro de 2013)

Peace
and 
Love
for all

sábado, 21 de abril de 2018

O segredo da vida

Me pergunto qual o segredo da vida?

Seria,
O encontro com sua missão neste plano...
A ajuda aos seres deste mundo...
O reencontro com seu grande amor...

What is the secret of life?

Seria,
O sol
A chuva
O amor

What is the secret of your life?

Love?